Marisa Matias fará hoje, 19 de novembro, um périplo ambiental pelos concelhos de Nelas, Carregal do Sal e Tondela com o objetivo de conhecer a realidade do distrito.

O objetivo será o de contactar “com várias realidades de poluição de rios e ribeiras, seja por via de descargas industriais, como do mau funcionamento de ETAR municipais”, assim como prestar atenção “às questões da monocultura do eucalipto que proliferam no distrito”.

Durante o périplo travará conhecimento da “luta de uma população”, a de Fiais da Telha, “contra a instalação de uma pedreira junto a zonas habitacionais e a património histórico”.

O Programa segue-se a uma ação simbólica pelo reforço do Sistema Nacional de Saúde e pela reabertura do SAP – Serviço de Atendimento Permanente de Mangualde.

 

19 de Novembro com Marisa Matias

15h30 – Senhorim (Nelas)

“Denúncia de foco de poluição no perímetro da Zona Industrial, em Senhorim.”

Ponto de encontro: 40°33’01.9″N 7°49’46.0″W – 40.550532, -7.829447

16h30 – Fiais da Telha (Carregal do Sal)

“Fiais da Telha foi palco de uma grande mobilização contra a instalação de uma pedreira junto ao núcleo habitacional da localidade e de património histórico.

Foi uma luta vitoriosa. Contactaremos com a população e com os protagonistas do movimento.”

Ponto de encontro: local das concentrações populares

17h30 – Dardavaz (Tondela)

“Contactará com a população sobre dois assuntos que não dizem respeito apenas a Dardavaz, mas a toda a região. A poluição dos cursos de água pela indústria e pelo município, mas também a proliferação da monocultura dos eucaliptos.”

Ponto de encontro: Largo do Tanque 

 

Deixe o seu comentário

Skip to content