O Bloco de Esquerda concorre pela primeira vez à Assembleia Municipal em Alfândega da Fé e tem como objetivo eleger para este órgão autárquico. A candidatura encabeçada por Joaquim Bastos pretende ser uma voz ativa.

Joaquim Carlos da Costa Bastos reside em Alfândega da Fé, nasceu em Espinho em 1957. Ingressou na função pública em 1981, mantendo-se como assistente técnico até 1986. A partir desse ano e até 2015, foi Técnico de Ação Social Escolar em Montalegre e em Alfândega da Fé.

Frequentou no Instituto Politécnico de Bragança (IPB) os cursos de Gestão e Economia e de Gestão e Administração Pública. Concluiu em 2018/2019, o CTESP, A.Q.B., curso Técnico Superior em Análises Químico Biológicas. Atualmente frequenta o último ano da licenciatura em Engenharia Química, também no IPB.

O Bloco de Esquerda concorre pela primeira vez à Assembleia Municipal em Alfândega da Fé, tendo como objetivo eleger para este órgão autárquico, propondo-se a ser uma voz ativa, “sempre com uma postura construtiva, com propostas políticas claras para a melhoria das condições de vida dos alfandeguenses”, pode ler-se em comunicado do partido.

O nome de Joaquim Bastos como candidato do Bloco à Assembleia Municipal de Alfândega da Fé, anunciado hoje, foi aprovado em assembleia concelhia de aderentes de Alfândega da Fé.

Joaquim Bastos

Deixe o seu comentário

Skip to content