Com o objetivo de conservar e proteger a biodiversidade, a Palombar – Conservação da Natureza e do Património Rural instala e mantém no território Unidades de Alimentação Artificial (UAA) dirigidas sobretudo para a perdiz-vermelha (Alectoris rufa) e o coelho-bravo (Oryctolagus cuniculus), que são presas de várias espécies de fauna selvagens, algumas das quais com estatuto de conservação desfavorável em Portugal, como é o caso da águia-de-Bonelli (Aquila fasciata) e da águia-real (Aquila chrysaetos). As UAA beneficiam não só as espécies para as quais são dirigidas, mas também outras, como vemos na imagem, nomeadamente um gaio (Garrulus glandarius).
A criação e manutenção das UAA é essencial para aumentar os recursos básicos que permitem assegurar o aumento das populações de fauna selvagem, nomeadamente alimento e água. Para colmatar a escassez de alimento, sobretudo em zonas de mato denso e contínuo, fornecemos alimentação suplementar para a fauna, através da instalação de comedouros com cereais, principalmente trigo, em pontos estratégicos. Além disso, criamos zonas de alimentação, através do cultivo de pastagens com misturas de leguminosas e gramíneas e ainda cereais e/ou abertura de clareiras para crescimento de gramíneas espontâneas. Já para fazer face à escassez de água, que é mais aguda durante o período estival, procedemos à colocação de bebedouros para a fauna no território.
Essas ações são implementadas no âmbito do Grupo Nordeste (www.nordeste.eu), Grupo para a Promoção do Desenvolvimento Sustentável, do qual a Palombar faz parte.

Publicado em Palombar a 7 de setembro de 2020.

Outros artigos deste autor >

A Palombar – Associação de Conservação da Natureza e do Património Rural é uma entidade sem fins lucrativos, criada em 2000, que tem como missão conservar a biodiversidade, os ecossistemas selvagens, florestais e agrícolas e preservar o património rural edificado, bem como as técnicas tradicionais de construção. A associação, que atua orientada por uma abordagem pedagógica e de cooperação, promove também a investigação científica nas áreas da Ecologia, Biologia da Conservação e Gestão de Ecossistemas, a educação ambiental, o desenvolvimento das comunidades e a dinamização do mundo rural.

Deixe o seu comentário

Skip to content