Desemprego na Cova da Beira aumenta

Uma rapariga sentada junto ˆ porta do Centro de Emprego, IEFP – Instituto de Emprego e Forma‹o Profissional em Lisboa. 26 de julho de 2012. RODRIGO BAPTISTA/LUSA
Foto de Rodrigo Batista | Lusa
Registaram-se mais 570 desempregados no mês de julho de 2020 em comparação com o período homólogo do ano anterior na região da Cova da Beira. O maior aumento de desemprego aconteceu no concelho da Covilhã, com uma diferença bastante superior aos concelhos vizinhos. 

Segundo a RCB, citando dados do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), a região da Cova da Beira registou mais de 570 desempregados no mês de julho de 2020 relativamente ao período homólogo do ano passado. No mesmo período, os concelhos de Belmonte, Covilhã e Fundão sofreram um aumento de 20%, passando de 2318 a 2888 desempregados. 

O maior aumento de desemprego foi no concelho da Covilhã, passando de 1349 em julho de 2019 para 1880 em julho de 2020. O concelho do Fundão teve um aumento de 40 desempregados e Belmonte registou um.

O concelho de Penamacor teve a trajetória contrária e tem menos 15 desempregados no mês de julho de 2020, em comparação ao período homólogo de 2019.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts
Ler Mais

Radiografias Concelhias: Vimioso

Foto por Tschubby – Own work, CC BY-SA 3.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=87646452Vimioso é um concelho pertencente ao Distrito de Bragança,…
Ler Mais

Radiografias Concelhias: Penamacor

Tschubby / CC BY-SA (http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/)Penamacor é um concelho pertencente ao Distrito de Castelo Branco, região do Centro e…
Skip to content