Teatro Municipal de Bragança | Foto de In-LOKO | Facebook

O professor João Cristiano Cunha é o novo director do Teatro Municipal de Bragança, substituindo Helena Genésio, que dirigiu o equipamento cultural desde a sua inauguração.

Professor de Música na Escola Secundária Emídio Garcia e no Instituto Politécnico de Bragança, João Cristiano Cunha tem um currículo ligado ao ensino e promoção da música, e aos 45 anos assume a direcção e programação deste espaço municipal.

Cristiano Cunha defende que “democratizar as artes não é banalizar as artes” e ainda que a programação do TMB seja considerada ao longo dos últimos anos, por alguns, uma programação elitista, garante que permanecerá no mesmo registo.

O novo director reside em Bragança, mas é do município vizinho de Vinhais, onde ajudou a fundar a Universidade Sénior.

 

João Cristiano Cunha vai trabalhar com um orçamento anual de cerca de 300 mil para as actividades deste equipamento cultural, que integra a rede do Teatro Nacional D. Maria II.

 

Para além de professor, João Cristiano Cunha é Doutorado em Música pela Universidade de Aveiro, tendo também adquirido formação científico-pedagógica especializada de elevado prestígio internacional em Orff-Schulwerk na Áustria, Brasil, Canadá, Eslováquia, Espanha, Estados Unidos da América ou Itália. Também foi bolseiro em entidades como a Fundação Calouste Gulbenkian.

Cristiano Cunha defende que "democratizar as artes não é banalizar as artes"

Deixe o seu comentário

Skip to content