Minas da Panasqueira | Turismo - Alto Alentejo e Beira Interior | Facebook

O assunto foi discutido pela Assembleia Municipal da Covilhã. População ouve “rebentamentos”, mas a empresa garante que não há trabalhos na mina durante a noite. 

A população que vive perto das Minas da Panasqueira, no concelho da Covilhã, queixa-se de “rebentamentos que se ouvem”, mas a Beiralt In, empresa que explora a mina, afirma que não existem trabalhos durante a noite, segundo notícia da Rádio Clube da Covilhã

O assunto foi discutido na última sessão da Assembleia Municipal da Covilhã e é relatado que se sentem rebentamentos, tal como preocupa a poeira associada que é “altamente contaminante”. Para além disto, a população queixa-se do imenso barulho que perturba as horas de sono. 

Fausto Batista, que já foi Presidente da Junta de São Jorge da Beira, também denunciou que vários “grupos habitacionais mineiros” foram demolidos e foram tapados com terra. Segundo Fausto Batista, “a Beiralt In faz o que quer e o que lhe apetece e não há controlo nenhum”. 

Relacionados:

Deixe o seu comentário

Skip to content