Foto de Miscaros_Festival do Cogumelo | Facebook

A aldeia de Alcaide, no concelho do Fundão, prepara-se para receber milhares de visitantes este fim-de-semana no Míscaros – Festival do Cogumelo. Organizado pela Liga dos Amigos do Alcaide, o festival tem uma forte componente comunitária e oferece um programa diversificado, desde a gastronomia até à programação cultural.

O festival começa hoje, sexta-feira, e dura até domingo. Como o nome indica, os cogumelos são a atração principal, e de acordo com a organização, o Míscaros “surge com o intuito de explorar o forte património fúngico do país com mais de 300 espécies, entre as quais se destacam os míscaros que nascem nas encostas da serra da Gardunha”.

A aldeia participa em peso na organização, abrindo “os baixos” das casas, que por este fim-de-semana se transformam em tasquinhas e onde a animação está garantida. Na última semana já se preparavam as decorações das tascas e das ruas.

O programa vai desde passeios micológicos, workshops, concurso gastronómico, música e animação de rua. Haverá também “live-cookings” com chefs profissionais, e “live-cooking – sabores pelo mundo” que serão dinamizados por cidadãos refugiados residentes no concelho. No domingo há o tradicional almoço comunitário de arroz de cogumelos.

A edição deste ano terá uma componente solidária, apoiando a compra de bicicletas para os refugiados que foram acolhidos no concelho. A participação no festival tem o valor simbólico de um euro, revertendo metade deste valor para a causa solidária deste ano.

As portas abrem esta sexta-feira às 19h. Sábado às 14h30 o festival irá receber a visita de Catarina Martins, Coordenadora Nacional do Bloco de Esquerda, e ao fim da tarde haverá uma palestra de identificação de cogumelos silvestres. No domingo decorrerá o concurso do Melhor Prato do Festival 2019, que conta com a presença do crítico gastronómico Orlando Esteves.

(Escrito por MFS)

Deixe o seu comentário

Skip to content