Foto de Sofia Pereira | Facebook da Companhia Paulo Ribeiro

O vídeo-dança “LAST at home” da companhia com sede no Teatro Viriato, de Viseu, foi galardoado com o prémio de melhor filme de coreografia de dança no New York International Film Awards. 

De acordo com o Jornal do Centro (JdC), o vídeo-dança “LAST at home” foi premiado pelo melhor filme de coreografia de dança no New York International Film Awards, nos Estados Unidos da América. 

O filme foi realizado em 2020 pela Companhia Paulo Ribeiro, que tem sede no Teatro Viriato de Viseu, e pelos coreógrafos São Castro e António Cabrita, com a colaboração do Quarteto de Cordas de Matosinhos. 

Uma nota de imprensa da Companhia, citada pelo JdC, refere que o New York Film Awards “é uma competição de cinematográfica mensal, que apresenta regularmente, num evento público no coração de Manhattan (Nova Iorque), os filmes selecionados”. O vídeo-dança “LAST at home” foi distinguido no mês de fevereiro. 

O video-dança “LAST at home”, de São Castro e António M Cabrita é o vencedor do prémio de melhor filme na categoria de...

Publicado por Companhia Paulo Ribeiro em Segunda-feira, 8 de março de 2021

Pode ler-se na nota que “esta é uma distinção que se estende aos bailarinos Ana Moreno, Ester Gonçalves, Guilherme Leal, Miguel Santos, Rosana Ribeiro e Laura Abel e ao Quarteto de Cordas de Matosinhos, pela interpretação do tema musical”.

O “LAST at home” já tinha sido exibido no InShadow – Lisbon Screendance Festival e foi distinguido com o prémio na categoria “Invisible Shadows”, que juntava filmes realizados durante o confinamento. 

Deixe o seu comentário

Skip to content