Foto de Wikimedia

A proposta de criação de um Espaço Funerário Municipal e Ecuménico no concelho de Carregal do Sal prende-se com a necessidade das atuais tendências da sociedade. Espaços com esta tipologia já existem noutras localidades do país, levando o Bloco de Esquerda a propor a criação de um espaço ecuménico na próxima sessão da Assembleia Municipal de Carregal do Sal, visando a unificação e partilha das igrejas cristãs e não cristãs para serviço público.

Tendo em conta a diversidade de habitantes do concelho de Carregal do Sal, que é cada vez maior, e da multiplicidade de igrejas ou credos religiosos existentes, bem como de habitantes sem religião, o Bloco considera que caso “esta proposta, que será levada à Assembleia Municipal de Carregal do Sal, for aceite pelo Executivo o concelho daria um exemplo social, civilizacional e inclusivo.”

A criação deste espaço implica uma construção simples e sem símbolos religiosos, respeitando os princípios de cada um e terá como objectivo a dignidade da pessoa, como cidadão livre no momento final da sua vida, tal como no seu funeral. 

Para o Bloco de Esquerda “o espaço funerário, em apreço e já existente noutras localidades do país contribuirá certamente, para aproximar e cooperar com as diferentes formas de credos dos cidadãos, mesmo daqueles cuja identidade se manifesta em termos geográfico, sociais e culturais e que cada vez, felizmente, são mais comuns no nosso concelho e na nossa região.”

Deixe o seu comentário

Skip to content