A candidatura do Bloco de Esquerda às Eleições Legislativas pelo círculo eleitoral de Castelo Branco definiu alguns objectivos para estas eleições, procurando dar continuidade nos vários meses de campanha ao trabalho contínuo que tem sido feito por todo o distrito.

Continuamos a estar ao lado das pessoas nas causas certas: Ambiente, mobilidade, ensino superior, trabalho e saúde, entre outras. Estivemos no Rio Ponsul onde está a acontecer um terrível atentado ambiental e ecológico e o culpado é o Estado Espanhol. Estivemos com as rádios locais onde ouvimos as preocupações sobre os diversos impostos e taxas que asfixiam estas entidades tão importantes. Estivemos nas ruas na Greve Climática, tanto na Covilhã como em Castelo Branco. Estivemos com os e as alunas do Ensino Superior onde reivindicamos o regresso do comboio do estudantil, tal como o objectivo da propina zero no ano lectivo 2023/2024.
Tentamos fazer chegar informação a todo o distrito, de forma clara e objectiva. Fizemos sessões públicas na Covilhã, no Fundão, em Castelo Branco e em Belmonte, tal como reuniões abertas à sociedade para a elaboração do programa eleitoral distrital e acções de distribuição na maioria do concelhos do distrito.

Consolidamos o Bloco de Esquerda como a terceira força do distrito de Castelo Branco. Conseguimos ficar muito perto da segunda força política, PSD, em alguns concelhos do distrito.

Assumimos que é difícil, mas não impossível a eleição de um deputado do Bloco de Esquerda pelo círculo eleitoral do distrito de Castelo Branco. Não o conseguimos, ficando apenas a 2415 votos de conseguir eleger o quarto mandato do distrito. O objectivo é atingido se, e é necessário assumir isto, o sistema eleitoral não deitasse os 10352 votos no Bloco para o lixo, podendo ser criado um círculo nacional de compensação. A eleição de um deputado pelo Bloco de Esquerda no distrito de Castelo Branco não é um objectivo inatingível.

Os mais de 10000 votos obtidos nestas eleições dão-nos vontade de continuar a trabalhar em proximidade com as populações, apostando com força na implementação do Bloco no poder local.

A Comissão Coordenadora Distrital de Castelo Branco

Deixe o seu comentário

Skip to content