Jorge Mendes, antigo presidente do Instituto Politécnico da Guarda, encabeça a nova Comissão Coordenadora Distrital da Guarda do Bloco de Esquerda. 

Segundo comunicado da Comissão Eleitoral, o ato eleitoral realizado ontem, dia 6, para eleição da nova Coordenadora Distrital “decorreu com toda a normalidade, respeitando o regulamento eleitoral e todas as recomendações de segurança e higiene em vigor”.

Exerceram o voto 56% dos inscritos, tendo a lista única, liderada pelo aderente Jorge Manuel Monteiro Mendes, obtido 100% dos votos.

Os novos membros do órgão irão assumir funções no dia 10 de setembro, e será então feita a eleição do secretariado distrital e do tesoureiro distrital.

A proposta para os dois anos de mandato, têm como objetivo “unir e consolidar”, pode ler-se no manifesto. A lista apresentou-se a eleições com a seguintes ideias chave: “unir e participar nos movimentos sociais”, “atacar as desigualdades”, “defender a regionalização”, “ganhar força nas eleições autárquicas”, “dinamizar a sede distrital” e aumentar a “ligação com os deputados do Bloco de Esquerda”.

Além de Jorge Mendes, a lista eleita é constituída pelos aderentes do Bloco Aníbal Rolim Ferra, Sónia Patrícia Figueiredo Fonseca, Guilherme Francisco Rosa Monteiro, Tiago Antunes da Silva, Patrícia Alexandra Soares Lucas Monteiro, Bruno Alexandre Figueiredo Andrade, José Luís Cabral Antunes Pombo, Alexandra Nobre de Assis e Marco Alexandre da Silva Loureiro.

Deixe o seu comentário

Skip to content