Foto por ASTA - Teatro e Outras Artes | Facebook

O projeto de teatro comunitário da companhia ASTA, FIAR, iniciou-se na passada semana na Covilhã com 26 participantes com idades compreendidas entre os 6 e os 80 anos. Será apresentado na Covilhã, Guarda, Belmonte, Fundão e Sabugal.

O projeto FIAR, com direção artística da ASTA – Teatro e Outras Artes,já passou pelas fases de pesquisa e de recolha de materiais sobre “memórias e histórias que marcam a gentes e o território destes cinco município”, segundo informação no facebook da companhia.

A fase de criação foi adiado devido às restrições provocadas pela pandemia iniciando-se agora e com um números de participantes que “não se podem comparar com os últimos dois anos face à realidade que vivemos”, disse à Rádio Clube da Covilhã Rui Pires, da ASTA

No entanto, Rui Pires clarificou “que ter este número é bastante significativo, porque significa que são pessoas de coragem e com muita vontade de fazer teatro que supera o medo ao vírus”. Salienta ainda que os ensaios estão a decorrer dentro das normas da DGS, com o uso de máscara obrigatório.

Rui Pires descreveu como o espetáculo, que conta com 10 membros da ASTA, “está a ser construído por todos os participantes”, após a recolha de histórias reais e fictícias que estão a ser juntas à história de vida dos participantes. Sendo este o “primeiro contacto com o teatro” para alguns dos participantes.

A estreia do FIAR será na Covilhã já no próximo dia 5 de setembro. Sendo depois apresentado na Guarda, Belmonte, Fundão e Sabugal, durante os meses de setembro e outubro.

Deixe o seu comentário

Skip to content