A fonte dos Carvalhais encontra-se em volta em mato e, a poucos metros, a capela construída no século XI está em ruínas. A falta de preservação deste património é denunciada pelo Núcleo Concelhio de Carregal do Sal do Bloco de Esquerda, depois de se deslocar ao local.

Os Carvalhais localizam-se em Oliveirinha, a cerca de 1 km de Alvarelhos e a 3 km da sede do concelho de Carregal do Sal. Neste local realiza-se a Feira dos Carvalhais há mais de cem anos, neste momento com regularidade quinzenal.

“Neste espaço, encontra-se uma fonte lavrada em pedra, com um nicho, e mais de cinco metros de altura, tendo ainda uma escada e muros, tudo em granito, mas neste momento apresenta-se completamente envolta em mato e com umas condições que nos deveriam envergonhar a todos”, considera o Bloco de Carregal em nota de imprensa..

A poucos metros da fonte, a capela da Nossa Senhora dos Carvalhais, cuja construção está registada no início do século XI, “também se encontra num estado lastimável e altamente deteriorado, com a estrutura física completamente em ruínas.”

A lenda associada a esta capela conta que, por altura de invasões mouras, Almançor, Rei de Córdova, por onde passava, destruía tudo. Contudo, haveria no local da capela de Carvalhais um souto de carvalhos, onde a imagem da santa teria sido escondida no espaço oco de um dos carvalhos, onde foi encontrada 18 anos depois, dando origem à construção da capela.  

O Núcleo Concelhio de Carregal do Sal do Bloco de Esquerda, com a presença dos candidatos à Câmara Municipal e à Assembleia Municipal, Hermínio Marques e Diego Garcia, foram ao encontro destas duas importantes referências culturais, patrimoniais e arquitetónicas do concelho, tendo no local encontrado “duas estruturas abandonadas e completamente apoderadas pelo intenso mato que ali se encontra.”

“O Bloco acredita que a preservação do património é extremamente importante para a obtenção de conhecimento por parte das populações locais e assim promover o enriquecimento cultural e social da sociedade, nomeadamente da população de Oliveirinha e do concelho. Com este espaço requalificado, a sua dinamização seria enorme e praticável, podendo recriar, por exemplo, acontecimentos históricos através de feiras medievais com base na lenda da Nossa Senhora dos Carvalhais e assim contribuir para o desenvolvimento local e económico do concelho”, defende o Núcleo Concelhio do Bloco de Esquerda”.

Deixe o seu comentário

Skip to content