A Associação de ex-Trabalhadores das Minas de Urânio propôs a criação do «Museu Mineiro da Urgeiriça». O Governo ainda não emitiu qualquer parecer ou decisão, dando como justificação a falta de evidência sobre a sustentabilidade do projeto.

A exploração das antigas Minas da Urgeiriça, bem como de outras minas de urânio, originou um conjunto de bens materiais e imateriais resultantes do trabalho, vivências e lutas de muitas pessoas durante décadas. 

Um rico e vasto património mineiro que, segundo pergunta do Bloco de Esquerda ao Governo sobre a criação de um centro interpretativo e museológico das Minas da Urgeiriça, “deve ser valorizado, interpretado e divulgado, de modo a preservar a memória histórica da Urgeiriça e da exploração de urânio em Portugal.”

Com esse fim em vista, a Associação de ex-Trabalhadores das Minas de Urânio propôs a criação do «Museu Mineiro da Urgeiriça», pretendendo “conservar, valorizar e divulgar o património histórico mineiro da Urgeiriça (Complexo Mineiro e envolvente) e restantes Minas de Urânio, preservando e protegendo a experiência histórica, cultural e identitária da comunidade local e contribuindo para a salvaguarda patrimonial e para a disseminação do conhecimento produzido sobre o território”.

O projeto proposto conta já com um Programa Museológico detalhado, onde são elencados os objetivos do centro interpretativo e museológico, as áreas temáticas a desenvolver, os domínios do estudo e investigação, exposição e educação, bem como os detalhes sobre as instalações, recursos financeiros, perfis profissionais necessários e cronograma operacional.

Este programa foi dado a conhecer à Secretaria de Estado da Energia e à Empresa de Desenvolvimento Mineiro (EDM). Nesse seguimento, o Bloco de Esquerda questionou o Ministro do Ambiente e Ação Climática sobre que medidas iria o Governo levar a cabo para apoiar a criação do centro interpretativo e museológico da Urgeiriça e da exploração de urânio no país, “de modo que a memória histórica e o património mineiro em Portugal possam ser preservados.”

  1. “Como avalia o Governo a criação de um centro interpretativo e museológico para a preservação da memória histórica da Urgeiriça e da exploração de urânio em Portugal?
  2. “Vai o Governo tomar medidas para apoiar a criação do centro interpretativo e museológico da Urgeiriça?
    1. Em caso afirmativo, que medidas vão ser tomadas?
    2. Quando serão tomadas tais medidas?”

O Governo respondeu agora às questões, justificando não se avançar com “apreciação e avaliação e consequente decisão governamental quanto ao projeto” por não ter disponível informação sobre o tipo de entidade jurídica para dinamizar o projeto, o modelo de financiamento e a evidência da sua sustentabilidade.

 

Pergunta 1747/XIV/2 – Criação de um centro interpretativo e museológico sobre as Minas da Urgeiriça

One Comment

Deixe o seu comentário

Skip to content