Os utilizadores da Estrada Nacional 16 entre Mangualde e Chãs de Tavares criaram um movimento devido ao mau estado da via, depois de um ano sem respostas a vários e-mails enviados à Câmara Municipal de Mangualde.

Segundo notícia do Jornal do Centro (JC), o movimento já terá feito chegar as queixas à Câmara Municipal de Mangualde, do PS, há um ano atrás, sem ter ainda obtido resposta. Paulo Tiago, um dos promotores do movimento falou ao JC de uma estrada bastante degradada que tem originado vários acidentes de viação.

“A Nacional 16 está com um piso bastante gasto. Os acidentes são constantes e há zonas onde 40 quilómetros/hora é uma velocidade a mais para se fazer algumas curvas. Temos outros problemas, como a falta de delimitação das faixas de rodagem e a altura das lombas da redução da velocidade, nomeadamente em Matados, que podem causar acidentes”, explica Paulo Tiago.

Recentemente, o Bloco de Esquerda questionou o Governo sobre a existência de Estradas Nacionais com necessidade de intervenção urgente, bem como sobre a existência de algum plano de investimentos para a requalificação das EN do interior do país. O Bloco defendeu a necessidade de um projeto ambicioso de requalificação das Estradas Nacionais do país.

Deixe o seu comentário

Skip to content