Pergunta entregue pela deputada Maria Manuel Rola, do Bloco de Esquerda, questiona o governo sobre a situação de poluição que o Interior do Avesso noticiou este sábado.

Na pergunta pode ler-se que as “descargas poluentes ocorridas em março e abril do presente ano na ribeira Grande, concelho da Sertã, deram origem a um espesso manto de espumas acastanhadas e partículas a flutuar ao longo do curso de água e margens da ribeira da vila sertaginense”.

Este documento avisa que os “alertas da ocorrência de descargas poluentes na ribeira Grande foram dados pela população local nos dias 25 de março e 9 de abril de 2020 depois de detetados sinais de poluição na água”.

O caso não é novo, tendo mesmo, na anterior legislatura, levado o Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda a dirigir a Pergunta n.º 2792/XIII/3.ª ao Ministério do Ambiente aquando da ocorrência de focos de poluição na ribeira Grande.

Para a deputada “é imperativo, mais uma vez, identificar a proveniência das descargas poluentes, apurar responsabilidades e atuar nos termos da lei. Urge eliminar definitivamente as fontes de poluição da ribeira Grande e proceder à sua despoluição de forma a recuperar plenamente a biodiversidade daquela ribeira e proporcionar a plena fruição de um ambiente sadio e aprazível à população sertaginense”.

As perguntas pretendem saber se o Governo, IGAMAOT, APA e SEPNA têm conhecimento e de que forma agiram para resolver a situação, identificando e punindo os poluidores.

Deixe o seu comentário

Skip to content