Rede 8 de Março começa o caminho para a Greve Feminista de 2020

Dia 9 de Junho a Rede 8 de Março reuniu-se em Braga para fazer o balanço da Greve Feminista Internacional de 2019. Após um longo processo que levou mais de 30 000 pessoas às ruas numa demonstração inédita do movimento feminista em Portugal, a Rede deu assim início à preparação da Greve Feminista Internacional de 2020.
A Rede 8 de Março reúne pessoas singulares e movimentos sociais e coletivos, associações feministas, anti-racistas, de defesa dos direitos das pessoas LGBT, dos e das migrantes, e de combate à precariedade. Em 2019 esta iniciativa foi organizada por 13 núcleos da Rede 8 de Março, abrangendo todo o território nacional, o que resultou neste enorme sucesso de mobilização.
Neste encontro foi coletivamente decidido convocar e organizar a Greve Feminista Internacional de 2020, estando já marcado o próximo encontro nacional para Setembro.

(Escrito por MFS)

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts
Ler Mais

É tempo de apoiar a cultura

Assimetrias entre litoral e interior e 1% do orçamento de estado para a cultura em debate em Vila Real
Skip to content