Viseu: Bloco propõe que a diversidade da Assembleia Municipal seja tida em conta na eleição de representantes para comissões

Foto por Pedro | Flickr
O Bloco de Esquerda refere que submeteu um documento dirigido ao Presidente da Assembleia Municipal e líderes do Grupos Municipais para a eleição de representantes do órgão, representantes das Juntas de Freguesia, e a designação de pessoas entre cidadãos eleitores para a CPCJ evidencie a “configuração e diversidade plasmada na Assembleia Municipal, órgão democraticamente eleito”.

Em comunicado, o Bloco afirma que no edital para a reunião de dia 25 de outubro a ordem de trabalhos contempla “três pontos de eleição de representantes da Assembleia Municipal, cinco pontos de eleição de representantes das Juntas de Freguesia, um ponto de designação de pessoas entre cidadãos eleitores para a CPCJ”, e consideram que “os nomes apresentados a votos devem representar a configuração e diversidade plasmada na Assembleia Municipal, órgão democraticamente eleito.”

Para o Bloco, a solução será criar listas em acordo com os diversos Grupos Municipais “através de conferência de representantes extraordinária, ou de outro método de contacto considerado eficaz para o efeito”.

Afirmam estar disponíveis para colaborar em propostas que respeitem os pontos expostos, reiterando que a solução que apresentam “garante a democraticidade da Assembleia Municipal e dos seus métodos de trabalho, bem como, e acima de tudo, o dever de serviço e respeito à população viseense.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados
Skip to content