O Centro Escolar do Norte localizado em Treixedo, no concelho de Santa Comba Dão, está a degradar-se a cada dia que passa, chegando ao ponto de neste momento se poderem observar várias pontos com infiltrações de água, em dias de chuva haver queda de água no interior do edifício e estar sem aquecimento central há mais de um ano. Estas condições seriam negativas em qualquer estabelecimento de ensino, mas no caso específico estas condições altamente deficitárias verificam-se num edifício construído há nove anos.

No dia 18 de Março realizou-se uma visita por uma delegação do Bloco de Esquerda (BE) composta pelo deputado na Assembleia da República, Luís Monteiro, pela candidata de Viseu na lista do BE às Europeias, Bárbara Xavier, uma comitiva da Distrital e alguns pais e mães com os filhos a frequentar este Centro Escolar. Apesar da visita oficial ter sido confirmada a direcção do Agrupamento de Escolas de Santa Comba Dão não acompanhou a visita nem reuniu com a delegação. Esta situação já vinha de 2016, altura em que a tentativa de uma visita à Escola Básica do concelho de Santa Comba Dão foi impedida. Para a Distrital do BE de Viseu esta atitude demonstra um grave problema democrático uma vez que esta visita tinha como objectivo conhecer os reais problemas que este Agrupamento atravessa, tanto neste Centro Escolar como nos restantes Centros Escolares que existem em Santa Comba Dão.

Este caso vem demonstrar um outro problema que tem vindo a ser apontado pelo BE que é a transferência de competências para as Autarquias, atribuindo-lhes responsabilidades que claramente não estão a conseguir cumprir. Esta visita tinha o objectivo de encontrar soluções e saber de que forma o BE poderia fazer pressão a nível Parlamentar ou junto do Ministério da Educação.

Nesta visita foi possível verificar os problemas descritos pelos encarregados de educação, a degradação do sistema de aquecimento central, que quando falha é colmatado com aquecedores trazidos de casa por professores e encarregados de educação de maneira a garantir algum conforto nas salas de aula. Existem áreas restritas por questões de segurança, um buraco no tecto do hall, problemas de humidade na cave.

Luís Monteiro e Bárbara Xavier realizaram esta visita alertados pelos pais e mães dos alunos deste Centro Escolar, esperam que este assunto tenha o devido acompanhamento. O ideal seria travar a degradação instalada e recuperar condições dignas para os alunos. Esta delegação sublinha que ficará atenta e se necessário voltará a intervir.

(Escrito por MFS)

Deixe o seu comentário

Skip to content