Foto de joão Duarte

O Bloco de Esquerda visitou, esta segunda-feira, a AEPGA (Associação para o Estudo e Protecção do Gado Asinino). Esta visita contou com a presença do cabeça de lista do Bloco à Assembleia da República pelo distrito de Bragança, Pedro Oliveira.

A AEPGA (Associação para o Estudo e Protecção do Gado Asinino) tem como objetivo principal a proteção e promoção do Gado Asinino, em particular a raça autóctone de asininos das Terras de Miranda – Burro de Miranda.

Após a visita, Pedro Oliveira considerou que esta associação é um exemplo de proteção ambiental, tanto na região Transmontana, como no país. Estas práticas ambientais, que caminham para a agroecologia, deviam ser replicadas em toda a região. O candidato refere que precisamos de uma agricultura biológica, onde exista uma sinergia entre o clima, o solo e os seres vivos. “É necessário um reforço do capital humano que responda às necessidades técnico-científicas, de um capital físico que permita melhorar a atividade agrícola e de capital financeiro que limite os fitofarmacêuticos e promova a diversidade da floresta”.

Refere também que devido ao uso e abuso da fauna e flora que provocam as alterações climáticas, muitas espécies estão hoje ameaçadas e somos todos os dias confrontados com as suas consequências. Neste sentido, com a emergência climática, tem que se proteger o que ainda se pode, de forma a que “não haja nem um grau a mais, nem uma espécie a menos”.

Defendemos um maior apoio às instituições, como a AEPGA, que têm uma consciência ambiental de forma a proteger o meio ambiente. Não podemos deixar que estas associações sobrevivam na constante submissão de projetos nacionais e internacionais sempre com receio que o financiamento se esgote. Congratulamo-nos com a perseverança da Associação em contribuir para a fixação de jovens no território.

(Escrito por JL)

Deixe o seu comentário

Skip to content