O SNPC-Sindicato Nacional da Proteção Civil denuncia que os trabalhadores da Arbórea – Associação Agroflorestal e Ambiental da Terra Fria  Transmontana , em Vinhais, têm 2 meses de salários em atraso e respetivos subsídios. No passado dia 14 de janeiro o sindicato reuniu com a Distrital de Viseu do Bloco de Esquerda, partilhando as várias dificuldades do setor.

Em comunicado, o SNPC expressa uma especial saudação “à luta dos 10 (dez) trabalhadores  da Arbórea – Associação Agroflorestal e Ambiental da Terra Fria  Transmontana – Vinhais, que têm 2 meses de salários em atraso e  respetivos subsídios, que se veem confrontados todos os dias com  inúmeros obstáculos por não terem capacidade financeira para pagarem  as suas contas e colocar comida na mesa da sua família.”

Sobre este assunto, o sindicato está a atuar em conjunto com o gabinete jurídico, a Autoridade para as Condições de Trabalho (ACT) e outras entidades, “para a regularização imediata da situação”. Ainda para este efeito, entre outros assuntos, pediram também uma reunião com a Ministra do Trabalho.

 

Sindicato reuniu com Bloco de Esquerda de Viseu para demonstrar realidade dos Sapadores Florestais

Segundo o comunicado, o sindicato tem reunido com várias entidades e organizações políticas com o objetivo de juntar sinergias que dignifiquem e valorizem o trabalho e os trabalhadores, nomeadamente dos Sapadores Florestais, cujas dificuldades incluem “os  baixos salários, os salários em atraso, a precariedade, a violação às leis do  trabalhos, à falta de descontos para a Segurança Social, à falta de  formação profissional adequada às funções, a falta de equipamentos de  proteção individual entre muitas outras coisas, que diariamente chegam  até ao SNPC”.

Uma das reivindicações dos Sapadores Florestais apresentada na reunião foi a integração na carreira  profissional de Sapador Bombeiro Florestal e do respetivo estatuto  profissional, “para que, dessa forma, traga justiça à luta de 21 anos e que  acabe com as desigualdades que se vive no setor”. Da reunião resultou ainda a posição da Distrital de Viseu do Bloco de Esquerda de ajudar na luta dos Sapadores Florestais.

Deixe o seu comentário

Skip to content