Um “esgoto a céu aberto em São João de Areias” (Santa Comba Dão) foi denunciado no dia 28 pelo movimento “Mexer São João de Areias”. As entidades competentes já foram alertadas da situação, que mesmo assim se mantém. O Bloco de Esquerda de Viseu, em comunicado, responsabiliza a autarquia pela falta de resposta.

Nas imagens partilhadas pelo movimento, é possível ver “uma tampa de esgoto a deitar os efluentes, que deveriam ir para a também deficitária ETAR dos Prados, para alguns terrenos agrícolas localizados na sua envolvente. Alguns, inclusive, estavam alagados e com produtos semeados já a secarem.”

Segundo as pessoas afetadas, não só as entidades competentes já haviam sido informadas, como o sucedido já se prolongava há alguns dias. Segundo o comunicado da Comissão Coordenadora Distrital de Viseu do Bloco de Esquerda, “o executivo da Junta de Freguesia de São João de Areias, numa nota, confirmava que tinha conhecimento da situação e já tinha alertado a Câmara Municipal, que é quem tem a responsabilidade por este serviço, mas a resposta da autarquia foi que “a sua viatura ligeira 4×4 se encontrava avariada em reparação, estando a usar uma outra viatura maior que pela sua dimensão não podia se deslocar ao local por restrição de acesso (via estreita)”.”

O Bloco questiona se a utilização da viatura 4×4 seria única solução, demonstrando preocupação e incredulidade para com a situação que se prolonga e responsabilizando a autarquia pela falta de alternativas encontradas. “Os produtos agrícolas que estavam já semeados nos terrenos em questão, perderam-se afetando assim o rendimento de várias famílias, alguma da sua subsistência e o seu bem-estar por causa desta situação negligente por parte das entidades responsáveis que decidiram resolver o problema, esperando. […] de certeza que no meio dos equipamentos, ferramentas e serviços da autarquia, ou até fora dos serviços municipais, se haveria de arranjar uma solução que não seria o saneamento estar a deitar os efluentes para o espaço público e terrenos agrícolas durante dias.”

Citando o comunicado, “o histórico do concelho de Santa Comba Dão relativamente aos focos de poluição através do saneamento é grande”, já tendo existido denúncias sobre outras situações. Por exemplo, a “Ribeira das Hortas, na sede do concelho, onde de vez em quando também salta uma tampa de esgoto localizada na ribeira e o curso de água que atravessa a cidade até ao rio Dão fica com uma cor acinzentada e mal cheiroso devido aos efluentes que ali se acumulam”, ou ainda “a ETAR dos Prados, localizada na freguesia de São João de Areias, também já recebeu denúncias de mau funcionamento, mas o Município de Santa Comba Dão diz que está tudo bem, mesmo faltando um motor ao equipamento e mesmo com as queixas contínuas dos moradores por causa do mau cheiro e que de vez em quando também salte uma tampa de esgoto na via pública.”

Vídeo partilhado pelo movimento Mexer São João de Areias

Deixe o seu comentário

Skip to content