Foto por Autor Anónimo

O músico Masena, de Mortágua, e o duo viseense Smoke Hills são dois dos dez semi-finalistas de um concurso de bandas nacional. Ambos os projetos musicais atuaram no passado fim-de-semana em Viseu, na iniciativa político-cultural Sementeira.

Masena encontrou na música um estado de harmonia que inevitavelmente se transformou numa necessidade criativa e expressiva. A extensão de um estado de espírito, que justifica a índole pessoal das letras e melodias, e por isso tudo o que compõe, grava e publica, é construído por si. O seu primeiro EP foi lançado a 12 de maio de 2020, “Arrebol”, uma mão cheia de canções nostálgicas. É com a canção homónima que se encontra a concurso.

O duo de rap Smoke Hills, que se apresentou na Sementeira pela primeira vez após o lançamento do último projeto (Monte Salvado). A dupla, que se conheceu na Escola Superior de Educação de Viseu, é formada por Francisco Trindade, que trata da parte técnica do som, como a mistura e a masterização, e por Patcho, nome artístico de Pedro Vieira, responsável pelas letras e por dar voz às músicas.

As dez participações semi-finalistas foram escolhidas pelo júri do Music Unlock by SBSR.FM. A seleção dos três finalistas está neste momento a 50/50 entre a votação pelo público (através de like no youtube), até 30 de setembro, e a avaliação do júri.

Deixe o seu comentário

Skip to content