Requalificação da Estrada Nacional 16: “estamos a falar de um problema que tem a ver com a coesão territorial”

EN16 (Vouzela - Termas de São Pedro do Sul)
EN16 (Vouzela – Termas de São Pedro do Sul)
Foto por Google Maps
A Assembleia da República discutiu ontem (8 de outubro) a petição que pede a requalificação urgente da EN16 que liga as Termas de S. Pedro do Sul a Vouzela. A deputada Isabel Pires, do Bloco de Esquerda, defendeu a necessidade de concretizar a requalificação.

A petição, com 4500 assinaturas, foi entregue em março do ano passado pela comissão para a requalificação da EN16. 

Em causa está a necessidade urgente de requalificação de um troço de apenas 1700 metros, mas com especial relevância para o quotidiano das populações e também do ponto de vista económico, nomeadamente para o turismo termal.

Isabel Pires defendeu a iniciativa dos peticionários acrescentando que “falta olhar para todo o traçado da estrada que necessita de obras de requalificação”, lembrando que o caso não é único e que sempre que há debates sobre a requalificação de Estradas Nacionais, se fala de estradas, como no caso desta, com “décadas de existência, sem sequer terem obras de requalificação ao longo dessa décadas”.

Para a deputada do Bloco de Esquerda, “acima de tudo estamos a falar de um problema que tem a ver com a coesão territorial e com a forma como, sucessivamente, governos, tanto do PSD e CDS como do PS, foram olhando para o nosso território e foram votando ao abandono o interior do país”.

O debate da coesão territorial “também se joga quando falamos das acessibilidades e da mobilidade” nos territórios do interior do país, considerou.

No caso da EN16 existe vontade dos municípios para que a requalificação seja feita, “é preciso que os planos saiam do papel […] é preciso que haja também por parte do governo. O Bloco de Esquerda vai debater-se junto do governo para que este troço tenha essa concretização”, rematou a deputada.

EN228 ao abandono e cortada desde temporal de dezembro de 2019 em Vouzela

Mau estado da EN16 leva utilizadores a criarem movimento em Mangualde

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Related Posts
Skip to content