Imagem da Plataforma Já Marchavas

Tendo em conta o momento que vivemos, mas também que os direitos, lutas e ativismos não podem parar, a Plataforma Já Marchavas propõe para este sábado, dia 28, um encontro online para debater propostas sobre como levar a rua até casa.

A Plataforma Já Marchavas é um movimento de cidadãs/ãos e de colectivos unidos na defesa de direitos Humanos e Animais, de causas Ambientais e no combate ao conjunto das discriminações a estas associadas. A Plataforma é um espaço aberto de construção e intervenção social em espaços públicos e de acesso público.

Desde 2018 tem estado na organização de diversos momentos de ativismo de rua em Viseu, como as Marchas Pelos Direitos LGBTI+, as Greves Climáticas e as Concentrações Feministas no âmbito do Dia Internacional das Mulheres (8 de Março).

Passados 20 dias da última iniciativa, a Concentração Feminista de dia 8, a realidade mudou e exige que os ativismos de rua sejam repensados, sendo inquestionável que a pertinência das causas se mantém.

O Encontro ocorrerá pelas 18h00 através de videoconferência no Jitsi Meet (um link será partilhado momentos antes da hora marcada na página Facebook do evento).
Outros artigos deste autor >

A Plataforma Já Marchavas é um movimento de cidadãs/ãos e de colectivos unidos na defesa de direitos Humanos, Ambientais e Animais.
O projecto Já Marchavas nasceu em maio de 2018 em Viseu reunindo sinergias diversas. Ainda em 2018 o projecto Já Marchavas levou mais de mil pessoas a participar na 1a Marcha pelos Diretos LGBTI+ em Viseu, denominada por alguns como a Marcha do Amor. A Plataforma Já Marchavas surgiu no ambiente pós-marcha concretizando a cooperação do projecto inicial e dando-lhe continuidade para outras causas comuns. Em Dezembro a Plataforma passou a integrar a Rede 8 de Março.

Deixe o seu comentário

Skip to content