“Não tenho nada contra, mas…”: campanha alerta para a LGBTQIA+ fobia [vídeo]

“Não tenho nada contra, mas… podiam ser mais discretos, podiam ser menos espalhafatosos, querem mais do que o resto da população, etc”. O discurso de ódio, a violência verbal, o assédio e a descriminação são formas de opressão que continuam a fazer parte do quotidiano de muitos e muitas de nós. Reunindo uma série de comentários reais do facebook, foi possível criar este vídeo que serve de campanha contra a LGBTQIA+ fobia que mostrar efeitos de resistencia quer no concelho de Viseu como no resto do país.
A Plataforma Já Marchavas não deixa de relembrar as incidências de violência LGBTQIA+ fóbicas, quer verbais, quer físicas.

Carta aberta: por uma urgente tomada de posição dos partidos políticos face às recentes agressões homofóbicas em Viseu

Outros artigos deste autor >

A Plataforma Já Marchavas é um movimento de cidadãs/ãos e de colectivos unidos na defesa de direitos Humanos, Ambientais e Animais.
O projecto Já Marchavas nasceu em maio de 2018 em Viseu reunindo sinergias diversas. Ainda em 2018 o projecto Já Marchavas levou mais de mil pessoas a participar na 1a Marcha pelos Diretos LGBTI+ em Viseu, denominada por alguns como a Marcha do Amor. A Plataforma Já Marchavas surgiu no ambiente pós-marcha concretizando a cooperação do projecto inicial e dando-lhe continuidade para outras causas comuns. Em Dezembro a Plataforma passou a integrar a Rede 8 de Março.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados
Skip to content