Foto retirada de Cinema Sétima Arte

Hoje, 8 de junho, foi o dia escolhido para algumas salas de cinema reabrirem as suas portas ao público, uma semana depois de ter iniciado a nova fase do plano de desconfinamento anunciado pelo governo.

Cineplace Portugal, que fechou a 18 de março as suas 85 salas de cinema (a operarem em 14 centros comerciais do país), anunciou a rabertura do Cineplace La Vie da Guarda, reabre hoje, às 15h. Até ao momento não foram divulgadas mais datas para as restantes salas.

Também a sala de cinema UCI Arrábida (no Porto), do grupo UCI Cinemas, que tem mais duas salas em Lisboa, reabre esta segunda-feira. As salas de Lisboa continuam encerradas.

Cinema Charlot – Auditório Municipal, em Setúbal, reabre esta segunda-feira com a exibição de “Mosquito”, segunda longa-metragem de João Nuno Pinto. Gerida pela Medeia Filmes, a sala reabre com “lotação reduzida, distanciamento físico e, por ser espaço fechado, com a obrigatoriedade de uso de máscara para os espetadores, o equipamento municipal, dotado de 260 lugares, apresenta, ao longo de junho, sessões regulares de cinema às 21h30 e aos sábados e domingos também às 16h00.”

As salas de cinema que reabriram até ao momento são: o Cinema Trindade no Porto (1 de junho), o Cinema Ideal em Lisboa (1 de junho), a Cinemateca em Lisboa (1 de junho), o Teatro Académico de Gil Vicente em Coimbra (1 de junho), o Cinema Charlot em Setúbal (8 de junho), o Cinema Nimas em Lisboa (10 de junho) e as mais de 30 salas da Castello Lopes Cinemas (4 de junho).

Outros artigos deste autor >

Se disséssemos que éramos um bando de miúdos, um tanto sonhadores, que queriam fundar um site para escrever sobre cinema e que, por algum desígnio divino, pudéssemos fazer da vida isto de escrever sobre a sétima arte, seria isso possível? A resposta é óbvia: dificilmente. Todavia Isso não impediu o bando de criá-lo em 2008, ano da fundação do Cinema 7.ª Arte. O espírito do western tinha-se entranhado em nós…
“A atividade crítica tem três funções principais: informar, avaliar, promover”. É desta forma que pretendemos estimular o debate pelo cinema.
Acima de tudo, escreveremos sempre como cinéfilos, esses sonhadores enamorados da sétima arte.
www.cinema7arte.com

Outros artigos deste autor >

Portuense mas reside em Viseu desde 2015 e é apaixonado por cinema e política. É administrador do site Cinema Sétima Arte, programador de cinema no espaço Carmo 81 e fez parte da equipa que reabriu o Cinema Ícaro, em Viseu, com o Desobedoc 2018. É ativista na Plataforma Já Marchavas, que organizou a 1.ª Marcha LGBTI+ de Viseu, em 2018.

Deixe o seu comentário

Skip to content