Estima-se que existam até 5000 casais reprodutores de coruja-das-torres em Portugal

Estima-se que existam entre 800 a 5000 casais reprodutores de coruja-das-torres em Portugal Continental e na Madeira, de acordo com dados do “Relatório do 1.º censo nacional da população nidificante de coruja-das-torres (Tyto alba) – 2023”.
Coruja-das-torres. Fotografia Paulo Calejo/Palombar.

A estimativa populacional da coruja-das-torres em 2023 foi realizada com base na combinação de dados do censo nacional e do PortugalAves/eBird.

O valor mínimo de casais reprodutores em Portugal continental foi estimado em 812, enquanto a estimativa máxima para o continente foi de 4844. Por forma a obter um intervalo mais conservador e a incluir a população reprodutora na Madeira os limites foram ajustados.

Vários técnicos da Palombar – Conservação da Natureza e do Património Rural contribuíram com dados para este censo, que contou com a colaboração de centenas de voluntários.

Este censo teve como objetivos melhorar as estimativas da distribuição e da abundância populacional da coruja-das-torres em Portugal, e contribuir para conhecer a sua tendência populacional a longo prazo.

O censo foi coordenado pela SPEA – Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves e pelo LabOr – Laboratório de Ornitologia, uma unidade de investigação enquadrada no MED – Instituto Mediterrâneo para a Agricultura, Ambiente e Desenvolvimento da Universidade de Évora.

Que ave é esta?

A coruja-das-torres é uma ave de rapina noturna que apresenta atualmente uma tendência populacional negativa na Península Ibérica e na Europa. Está classificada como “Quase Ameaçada” na Lista Vermelha das Aves de Portugal Continental e de Espanha. Caça preferencialmente em áreas abertas, tais como campos agrícolas, pastagens e florestas pouco densas, evitando florestas densas e grandes extensões de matos. Ocupa também áreas urbanas, nidificando frequentemente em estruturas construídas e sendo muito tolerante à presença humana.

Outros artigos deste autor >

A Palombar – Associação de Conservação da Natureza e do Património Rural é uma entidade sem fins lucrativos, criada em 2000, que tem como missão conservar a biodiversidade, os ecossistemas selvagens, florestais e agrícolas e preservar o património rural edificado, bem como as técnicas tradicionais de construção. A associação, que atua orientada por uma abordagem pedagógica e de cooperação, promove também a investigação científica nas áreas da Ecologia, Biologia da Conservação e Gestão de Ecossistemas, a educação ambiental, o desenvolvimento das comunidades e a dinamização do mundo rural.

Related Posts
Noite com estrelas
Ler Mais

Com Verdade à Janela

A tua liberdade só dá obrigatoriedade ao outro Que por amor e amizade transporta uma dor De estar…
Jasmim
Ler Mais

Na Rua

No outro lado da rua o vento abana o ramo da árvore. Nesse momento de ver um ramo…
Skip to content